FERNANDA SANTOS

Psicologia Clínica

Psicologia!? …..quando me perguntam qual é a minha área, tentei mas nunca consegui  produzir uma explicação que não fosse limitativa.  Obviamente, tenho uma formação  clínica baseada na psicanálise  mas a minha forma de ajudar tem uma prioridade : derrubar as distâncias internas.

A psicologia é um ponto de interrogação?

O ponto de interrogação deve -se voltar para si-mesmo,  sem culpabilizar o mundo inteiro. A dúvida é positiva para percorrer a distância  entre os esquemas infantis e os esquemas da realidade.  O erro é duvidar de si e não duvidar das crenças, fonte  da nossa herança, da sociedade…..

As minhas perceções só podem ser incompletas, redutoras, distorcidas da realidade. Compete a cada um de nós,  recolocá-las para as transformar de acordo com a realidade presente.  A readaptação nem sempre é um processo fácil visto que gastamos muita energia emocional na reorganização do caos mas é a única possibilidade para reavaliar o nosso lugar no mundo.

Sobre Mim

O que me fascina mais nas pessoas   é o jeito. Não  é o currículo,   os discursos,   o passado ou o futuro e sim o jeito de dizer, o jeito de levar a vida, o jeito de olhar,  o jeito  simplesmente.

Nasci em Portugal mas com idade muito tenra fui viver para França na cidade de Chartres. Iniciei os estudos de Psicologia  em Tours. Regressei a Portugal   e finalizei a minha licenciatura em 1999 na área clínica no Instituto Superior de Psicologia Aplicada com a monografia de fim de Curso Era uma vez…..o Conto como Organizador do Pensamento. Em paralelo, segui o curso de formação Análise psicodinâmica do desenho.

No ano 2000,  uma proposta da Cruz Vermelha Portuguesa levou-me á Parede para ser  Psicóloga na seleção / recrutamento / apoio psicoterapeutico / psicopedagógico  e Formadora de gestão do comportamento, desenvolvimento pessoal e social de relações interpessoais e de psicologia da criança,

Nos meses de verão durante 12 anos, fui psicóloga na seleção, formação, investigação e acompanhamento dos adolescentes, vigilantes das praias no projeto Maré Viva da Câmara Municipal de Cascais.

Em 2004, fiz a minha “estreia” no Chapitô  em Lisboa como Professora de psicossociologia no curso de artes e ofícios -EPAOE  e um  ano depois,  tornei-me psicóloga dos alunos da escola  de artes e ofícios  e dos jovens oriundos dos centros educativos .   Iniciei  nessa altura,  um processo de aprendizagem o mais enriquecedor que uma psicóloga possa imaginar porque todos esses jovens  representaram a minha universidade no terreno.

Assim sendo, tenho 10 anos de experiência no terreno e sobretudo criei  projetos de vida  com jovens oriundos  das mais diversas  camadas sociais.

O ano de 2007 foi uma viragem na meu trabalho   porque decidi dedicar-me  á minha especialização : as crianças.  Tornei-me assim psicóloga de gabinete para dar apoio às crianças e adolescentes da comunidade francesa. Até hoje ….

Cada vez mais, estou a receber adultos  porque “todas as pessoas grandes foram um dia crianças mas poucas se lembram disso” o Pequeno Príncipe de Saint- Exupéry.

Deseja marcar uma consulta?

Marcar

INTERESSADO NOS NOSSOS SERVIÇOS?

wb_top_accessFernanda Santos